11 de dezembro de 2020

A Sadia, marca de alimentos mais valiosa do Brasil e Top of Mind em 2020, encerra o ano com a apresentação das novas embalagens de seus tradicionais produtos festivos, como a linha de suínos, linguiças e lasanhas. Os produtos, conhecidos e presentes na mesa das famílias brasileiras há décadas, já estão disponíveis nos principais pontos de vendas em todo o país e chegam para atender quem busca qualidade, praticidade e sabor inigualável nas comemorações de fim de ano.

A nova identidade visual dos produtos remete às embalagens de presentes, tornando os itens ainda mais atrativos nas gôndolas. A linha de suínos conta com embalagens no mesmo tom de vermelho usado no logotipo de Sadia, uma flâmula dourada com o icônico “S” da marca, além de elementos que remetem ao Natal. Enquanto isso, as lasanhas, linguiças frescais e curadas da marca, seguem o mesmo padrão visual da nova identidade na linha de suínos, porém o fundo sofreu uma alteração, tendo como principal cor o amarelo.

Distribuídos pelas principais redes varejistas e padarias de todo o Brasil e disponíveis no e-commerce Mercato em casa, os produtos – reconhecidos por atributos que fazem a marca ser lembrada ano após ano – tiveram o design desenvolvido pela Team Creatif, inspirada nos códigos do natal, aliado aos dois pilares da marca: qualidade superior e praticidade. A agência teve como objetivo criar embalagens de visual clean e fáceis de serem reconhecidas nos pontos de venda, com o intuito de facilitar a busca do consumidor no momento da compra.

“Foram quase doze meses para desenvolvermos uma proposta que refletisse a mensagem que desejamos passar, isto é, que a Sadia valoriza o tempo que passamos com quem mais amamos. Estamos felizes em apresentar as novas embalagens natalinas da marca aos consumidores. Nossa proposta foi ir além da qualidade de nossos itens e entregar uma experiência visual que dialogasse com este momento onde as pessoas se conectam com o espírito natalino”, conclui Gisela Toledo, gerente executiva da marca Sadia.

Fonte: In Press Porter Novelli