25 de setembro de 2019

A Água de Cheiro, pioneira no mercado de franquias de beleza e perfumaria, traz de volta ao imaginário do consumidor os anos 80 e 90 em suas mais novas fragrâncias. A novidade chega em duas versões #Self[ie] Purple e #Self[ie] Blue, que conversam diretamente com os Millennials, inaugurando um pilar novo dentro da Água de Cheiro, que a partir de agora passa a conversar diretamente com o público jovem.

As duas fragrâncias trazem combinações de notas frutais e florais. Na Purple, a combinação é formada por uma mistura de framboesa, abacaxi, jasmim, cardamomo, âmbar e sândalo. Já na colônia Blue, mesclam entre si notas de bergamota, cedro, ozônico, açafrão, âmbar, vetiver, sândalo e fava tonka.

O ponto de partida para criação do conceito foi a busca pela fidelização de um público até então pouco explorado pela rede. Pensando nisso, a marca se deslocou aos anos 80 e 90 na busca de inspirações que pudessem impactar todas as idades que compõem a geração Millennial. Olindo Caverzan Junior, diretor da Água de Cheiro, explica: “Durante nossos estudos, dividimos o target entre Old Millennials e Young Millennials, e descobrimos que as tendências dos anos 80 e 90 conversam diretamente com os dois públicos. Temos aqueles que cresceram imersos nessa época e aqueles que têm sido impactados pela volta e nostalgia de muitas das tendências que marcaram o período”, comenta.

O design do frasco é um dos pontos fortes da novidade – o formato, que remete a uma garrafa de refrigerante, é exclusivo na perfumaria brasileira e foi pensado especificamente para a linha #Self[ie]. A marca buscou inspiração na perfumaria internacional, com objetivo de impactar um público que procura cada vez produtos não-convencionais.

“Quisemos trazer de volta a sensação de beber um refrigerante de garrafa com canudinho, algo tão usual e cotidiano nas décadas passadas. Ao mesmo tempo, entendemos que esse design representa a juventude, que está tão imersa nas tendências dos anos 80 e 90 e em objetos instagramáveis”, pontua Caverzan.

Além de toques estéticos inspirados na cultura pop, como brilho, cores vibrantes e tons neon, as colônias #Self[ie] também se inspiram em tendências comportamentais, que conversam com um público de personalidade forte, indepentende, descolado e com atitude. Para as duas colônias, a inspiração de Benjamin Belizon, perfumista responsável, transitou entre a vibração e a energia de grandes metrópoles e diferentes tribos urbanas.

Pensando no conceito do frasco, que remete a uma garrafa de refrigerante, o perfumista desenvolveu, ainda, um acorde especial para as fragrâncias, batizado de Fizzy Drop. “A mistura de notas florais e frutais dá origem à um acorde que remete às gotas borbulhantes e efervescentes de uma bebida, que aguçam o paladar de quem sente os perfumes”, explica Caverzan.

Em linha com valores essenciais da marca, que há 40 anos valoriza a pluralidade brasileira, a Água de Cheiro não categoriza suas fragrâncias em “masculina” e “feminina”, apenas em cores – que estampam as embalagens internas e externas. “Queremos que as fragrâncias novas sejam tão relevantes para nosso público quanto Absinto e Água Fresca, por exemplo”, completa o diretor da marca.

A Água de Cheiro também preparou uma extensão de linha, com desodorante aerossol das duas fragrâncias. O produto tem função de perfumação mais leve e confortável e é ideal para acompanhar o consumidor em diversos momentos do dia, dentro da bolsa ou da necessáire. O design do frasco de extensão também é exclusivo e remete a uma lata de spray de tinta.

Os lançamentos já estão disponíveis em todas as lojas físicas da Água de Cheiro e no e-commerce da marca.

Fonte: Dezoito