9 de junho de 2021

O termo clean label é cada vez mais destacado na mídia como algo que merece atenção das indústrias de alimentos. Ele é geralmente associado a produtos que não contêm ingredientes artificiais, processados naturalmente, isentos de um componente considerado prejudicial à saúde ou com uma lista mais curta de ingredientes.

Uma pesquisa encomendada pela IFF à GfK (Growth from Knowledge), empresa global de pesquisas de mercado, revela percepções importantes sobre o assunto junto a consumidores no Brasil, na Colômbia e na Argentina. Embora os resultados mostrem não haver entre o público pesquisado uma definição clara do que é clean label, eles revelam que muitas vezes o termo é vinculado a um consumo mais responsável, a ingredientes naturais e a informações nutricionais transparentes. A IFF utilizou os insights para o lançamento de uma solução inovadora para pães industriais.

“O movimento clean label está se fortalecendo em outras localidades, e isso muito provavelmente vai acontecer na América do Sul”, afirma Vanessa Martins Mendes, gerente de marketing para panificação na IFF. “Com a pesquisa, constatamos que os consumidores da América do Sul que verificam os rótulos tendem a classificar como negativos os ingredientes que não reconhecem e se espera que a composição dos produtos pode se tornar um fator-chave nas decisões de compra de pães industriais. E as empresas que não quiserem ficar para trás devem levar em consideração, desde já, essas percepções atuais do consumidor”.

Para ajudar os fabricantes de alimentos a atender ao desejo dos consumidores por formulações mais amigáveis em pães industriais, a IFF anuncia uma solução inovadora para a América do Sul. GRINDSTED® POWERBake Clean é uma solução que substitui certos ingredientes tradicionalmente utilizados na panificação, cujos nomes técnicos podem não soar familiares a alguns consumidores.

GRINDSTED® POWERBake Clean é uma combinação de lecitina de soja, enzimas e fibra solúvel de fontes naturais. É uma alternativa aos reforçadores de massa atualmente utilizados nas formulações de pães, permitindo dispensar o uso de agentes oxidantes.

Benefícios de custo e de processo

“GRINDSTED® POWERBake Clean é capaz de substituir 100% do glúten de trigo vital que é geralmente adicionado às fórmulas de pães industrializados. Isso garante aos fabricantes um melhor planejamento da produção, com potencial economia de custos,

uma vez que o glúten vital tem uma variação de preços muito grande “, compartilha Ana Paula Micheloto, gerente de produtos para a América Latina na IFF.

“GRINDSTED ® POWERBake Clean é uma solução inovadora porque reforça não somente a rede de glúten, mas a estrutura do pão em geral”, explica Luís Gióia, especialista em aplicações para panificação na IFF. “Eliminar tanto os reforçadores quanto o glúten vital das formulações é uma tarefa difícil, principalmente em pães integrais, devido à alta carga de farelo proveniente das farinhas de trigo ‘whole grain’, bem como de outros ingredientes como fibras, sementes e grãos. Outras soluções geralmente deixam o pão mais pesado e atrapalham a formação da rede de glúten, tornando-a menos reforçada. Com o POWERBake Clean, podemos evitar essas complicações”.

Gióia acrescenta: “A linha GRINDSTED® POWERBake Clean proporciona benefícios de processo, como maior resistência das massas, maior tolerância, maior volume e pães com melhor formato. Outra vantagem é a absorção extra de água da massa (entre 1% e 5%), o que aumenta o rendimento, resultando na produção de mais pães por batelada em comparação com formulações tradicionais”.

GRINDSTED® POWERBake Clean é mais uma solução exclusiva dentre as soluções da IFF para pães industriais, após o lançamento bem-sucedido da linha GRINDSTED® BWA. “Os ingredientes do POWERBake Clean atuam em sinergia para fornecer uma solução robusta e completa, desenvolvida para atender às demandas do mercado”, acrescenta Ana Paula Micheloto.

A IFF tem o mais completo portfólio de ingredientes para a indústria de panificação. A empresa tem presença global composta por uma grande estrutura de centros de pesquisa, desenvolvimento e aplicação, além de fábricas em diversas localidades do mundo.

Fonte: 2PRÓ Comunicação