12 de junho de 2020

A pandemia acelerou a tendência de transformação digital do varejo no Brasil. Na atual conjuntura, tanto pequenos comerciantes quanto grandes varejistas têm encontrado no e-commerce uma alternativa para enfrentar a crise. A categoria de compras virtuais tem apresentado um crescimento expressivo desde março. Apenas nos dias que antecederam o Dia das Mães, data de grande relevância para o varejo, houve um crescimento de 123% no número de compras virtuais em relação ao mesmo período de 2019, segundo levantamento do Compre&Confie .

Nesse cenário, as embalagens secundárias dos produtos tornaram-se insumos essenciais para garantir a qualidade e segurança da mercadoria. A Sealed Air, indústria líder em soluções de proteção e embalagens, também percebeu um salto na demanda de suas soluções. A empresa identificou um crescimento de 63,5% na procura por embalagens de proteção por parte de seus clientes que atuam no setor de e-commerce no Brasil. O crescimento se deu na análise do intervalo de janeiro a abril deste ano em comparação com o mesmo período em 2019. “São produtos como almofadas de ar, envelopes de segurança e também soluções de automação – itens essenciais para garantir que o produto comprado pela internet possa ser transportado com segurança e chegue íntegro para o consumidor, oferecendo uma experiência agradável e influenciando uma recompra”, comenta Rafael Itzaina, diretor da unidade de Protective Packaging da Sealed Air.

Fonte: WEDOPR.