26 de novembro de 2018

Gestores das áreas de Produção, Qualidade, Compras e Recursos Humanos de 15 clientes da Embaquim (www.embaquim.com.br), foram recebidos em sua sede em São Bernardo do Campo (Grande São Paulo), para conhecer o Programa 8S e os seus resultados na empresa. O Programa 8S foi criado no Japão por Kaoru Ishikawa, na década de 50, com o objetivo de servir de instrumento para a reconstrução industrial do país após a Segunda Guerra Mundial.

Os nomes japoneses – sempre iniciados com a letra “S” – são mantidos no Programa e identificam os Sensos em que se baseiam as ações desenvolvidas na Embaquim. Os sensos são:

· SEIRI (utilização)
· SEITON (arrumação)
· SEISO (limpeza)
· SEIKETSU (saúde e higiene)
· SHITSUKE (auto disciplina)
· SHIKARI YARO (determinação e união)
· SHIDO (treinamento)
· SETSUYAKU (economia e combate aos desperdícios)

Quando o Programa foi implantado na empresa, ele previa apenas 5S; em 2011 é que ele passou a ser o Programa 8S como é conhecido hoje. A meta é, já em 2019, passar para o Programa 10S coincidindo com os 10 anos de sua implantação na Embaquim.

Renata Canteiro, Diretora Técnica e de Desenvolvimento da Embaquim, destaca como objetivos alcançados com o Programa:
· redução de custos e de desperdícios;
· ganho de eficiência nos processos a partir de integração;
· mudanças de atitudes e de hábitos;
· aumento da produtividade;
· elevação do moral das pessoas;
· zelo pela saúde física e mental;
· aumento da segurança no trabalho;
· influência positiva fora do ambiente empresarial.

“O encontro com os gestores de nossos clientes foi importante para mostrar a evolução do Programa 8S na Embaquim, desde sua implementação em 2009, passando pelas dificuldades encontradas, metodologia aplicada e resultados obtidos. Também expusemos os próximos passos, sempre tendo como ponto central o fator humano”, pontua a Diretora.

32 gestores tiveram acesso à experiência da Embaquim com o Programa 8S. A programação incluiu ainda uma visita à fábrica, com acompanhamento ‘ao vivo’ de uma auditoria do Programa 8S. Também foi realizada uma dinâmica com os visitantes que foram divididos em equipes e tiveram que trabalhar na implantação de um Programa 8S em um suposto restaurante industrial. O desempenho de cada grupo foi avaliado pela equipe de auditores 8S da Embaquim. O melhor resultado foi premiado, a exemplo do que acontece mensalmente no chão de fábrica da empresa.

A Embaquim espera que este evento ajude os gestores a implementar programas semelhantes em suas empresas. Uma nova edição do evento está sendo planejada para 2019. A disposição da Embaquim em repassar espontaneamente sua experiência com o Programa 8S para os visitantes foi muito elogiada. Como declarou um dos participantes: “Foi extremamente importante entender que o fato da empresa possuir os melhores equipamentos não é tudo. Se ela não tiver um operador competente e que ‘vista a camisa’, o sucesso não está garantido”.

Fonte: LDB Comunicação