3 de setembro de 2021

A 2ª edição do Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar aconteceu dia 31 de agosto e revelou as empresas que mais se destacaram em gestão de pessoas e no índice de satisfação dos seus colaboradores, em evento online promovido pela UOL e Fundação Instituto de Administração (FIA). Os vencedores foram definidos a partir dos resultados da pesquisa FIA Employee Experience (FEEx), cuja metodologia possibilita também a comparação das empresas nos diferentes níveis de qualidade da atuação do CEO, Liderança, Clima Organizacional e Práticas de Gestão.

 

A Brasilata, especializada na produção de embalagens metálicas, conquistou o 2º lugar na categoria Indústrias Diversas, o 7º lugar entre as empresas de Médio Porte, e obteve o 12º lugar na classificação geral de um total de 380 empresas inscritas no prêmio. “Participar do Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar, mais do que o reconhecimento e o destaque em estar entre as melhores empresas, é entender a realidade, objetivo e sentimento da equipe. Isso contribui com a nossa capacidade de compreender e planejar melhorias, assim como tomar as decisões mais assertivas diante das oportunidades identificadas”, assinala Tiago Forte, CEO da Brasilata.

 

A preocupação com o Employee Experience, ou seja, com a experiência e o bem-estar do funcionário em seu local de trabalho, assim como o ambiente inclusivo e mais aberto a diálogos, ganham cada vez mais notoriedade dentro das organizações, e, na Brasilata, não é diferente. A empresa é reconhecida como uma das mais inovadoras do Brasil, e, através de várias iniciativas internas, estimula os seus profissionais a vivenciar a experiência de colaborar e inovar em todas as unidades de negócios. Para Fabio Ito, Coordenador Corporativo da área de Recursos Humanos da Brasilata, o Projeto Simplificação, implementado na companhia há mais de 30 anos, é um dos exemplos, já que viabiliza a comunicação interna de todas as equipes com os seus líderes para a apresentação de ideias e sugestões de melhorias em processos, produtos ou até mesmo na gestão e no ambiente de trabalho. Desde então, a Brasilata reconhece seus colaboradores como “inventores”, e o projeto contabiliza mais de um milhão de ideias.

 

“Valorizamos o trabalho colaborativo para construir novos caminhos, e esse estímulo criativo favorece um ambiente capaz de produzir inovação de forma contínua – o que caracteriza a Brasilata – e de promover a gestão participativa, gerando motivação e o sentimento de pertencer”, diz Ito ao mencionar: “este reconhecimento promovido pelo Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar é a comprovação de que as nossas ações e esforços estão sendo percebidos e valorizados pelos nossos inventores”.  Além disso, o executivo destaca o investimento constante da empresa em programas de treinamentos e bolsa de estudos, acreditando que a melhor forma de valorizar o capital humano é através da educação. “A Brasilata sempre investiu na capacitação do seu pessoal para aprimorar talento e conhecimento. De forma geral, com todas as nossas práticas, buscamos promover um local de trabalho onde as pessoas são prioridades”.

 

É a primeira vez que a Brasilata participa do Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar, porém, há muitos anos, a empresa coleciona reconhecimentos de outras premiações consagradas que avaliam a gestão de pessoas e o ambiente de trabalho. Mas desta vez, o mérito da conquista ganha certa relevância pelo cenário incerto que a pandemia trouxe, deixando as pessoas mais vulneráveis. Nesse sentido, conforme analisa o Coordenador Corporativo de RH da Brasilata, participar dessa pesquisa foi um ato corajoso e desafiador para a empresa, que acabou trazendo resultados positivos e permite tornar o ambiente, que é 85% fabril, ainda mais seguro, agradável e tranquilo, além de estimular a capacidade de transformação das pessoas, impactando da melhor forma o próprio clima organizacional.

 

Fonte: Imprensa Brasilata