11 de agosto de 2020

Valorizar a família nordestina é o propósito da Betânia, que lança neste mês o leite UHT especial Edição Família, com embalagem que homenageia os produtores de leite. A novidade da empresa tem como objetivo consolidar e reforçar na mente do consumidor o novo posicionamento da marca, lançado em 2018, que apresenta em seu conceito e propósito a valorização da origem e da família nordestina.

O propósito da linha é apresentar aos consumidores um pouco da história de vida dos produtores de leite da Betânia, através de uma narrativa real e emocionante. Toda a embalagem foi pensada exclusivamente como uma maneira de representar o universo sertanejo, onde todo o processo do leite se inicia.

Criada pela Artplan, a campanha apresentada a história de uma das 3.500 famílias de produtores de leite que trabalham com a Betânia, que estará representando todas as outras. A embalagem é um convite aos consumidores conhecerem mais profundamente o dia a dia dessas famílias, por meio de um QR code impresso na caixa. Esse código direcionará o usuário a uma plataforma, onde a família se apresentará e contará a sua história em um vídeo.

“Queremos que todos os produtores se sintam homenageados. São mais de 3.500 famílias produtoras de leite, em cerca de 130 cidades do sertão nordestino, nos estados do Ceará, Pernambuco, Bahia e Sergipe. A ideia, além de reforçar o nosso posicionamento como marca, é também apresentar aos consumidores que existem famílias que começam o dia bem cedo e cuidam de todos os detalhes para que o leite Betânia chegue com toda a qualidade às nossas mesas”, afirma Bruno Girão, presidente da Betânia Lácteos.

O lançamento será composto por três versões de Leite UHT, integral, semidesnatado e desnatado, e poderão ser encontrados nos principais supermercados do Nordeste.

Leite e Poesia

Como parte da estratégia de lançamento, haverá uma campanha nas redes sociais da Betânia, que traz o poeta cearense Bráulio Bessa declamando uma poesia. O trovador fará a locução de um vídeo, que contará de maneira poética a história da dona Maria Luziene, da fazenda Lourenzo, que representa os mais de 3.500 produtores de leite da empresa.  A intenção do filme é mostrar a história e personalidade da personagem, despertando um desejo nas pessoas de conhecerem mais sobre a história da produtora.

 

Fonte: WEDOPR